O que é dengue?

O que é dengue?

O que é dengue? A dengue é uma doença febril aguda causada por um vírus, sendo um dos principais problemas de saúde pública no mundo. O seu principal vetor de transmissão é o mosquito Aedes Aegypti, que se desenvolve em áreas tropicais e subtropicais.

Embora pareça pouco agressiva, a doença pode evoluir para a dengue hemorrágica e a síndrome do choque da dengue, caracterizadas por sangramento e queda de pressão arterial, o que eleva o risco de morte. Sem dúvida, a melhor maneira de combater esse mal é atuando de forma preventiva, impedindo a reprodução do mosquito.

O mosquito Aedes Aegypti é o transmissor do vírus e suas larvas nascem e se criam em água parada. Por isso, evitar esses focos da reprodução desse vetor é a melhor forma de prevenir a dengue.

Prevenção e cuidados:

Evite o acúmulo de água parada;
Coloque areia nos vasos de plantas;
Coloque desinfetante nos ralos;
Limpe as calhas;
Coloque tela nas janelas.

Mosquitos transgênicos

A empresa britânica Oxitec produz mosquitos transgênicos da dengue, o Aedes Aegypti, iniciativa que pode ajudar no combate da doença em todo o Brasil. Então, a primeira fábrica foi inaugurada na cidade de Campinas, em São Paulo.

A iniciativa da empresa consiste em produzir mosquitos “machos” geneticamente modificados. Estes que posteriormente se reproduzem com “fêmeas” na natureza, gerando mosquitos que morrem antes de alcançar a vida adulta. Assim, os machos, quando liberados na natureza, procriam com as fêmeas – responsáveis pela incubação e transmissão do vírus da dengue – As fêmeas vão gerar mosquitos que possuem um gene extra em seu DNA que impede que seus descendentes alcancem à fase adulta. Além disso, testes realizados na cidade de Juazeiro, na Bahia, apontaram uma redução de 90% no total de mosquitos nas regiões em que os mosquitos transgênicos foram inseridos.

Somente os mosquitos transgênicos machos são soltos porque eles não picam o ser humano. Segundo o site IFLScience, a técnica é segura porque os mosquitos transgênicos têm traços genéticos que não podem ser passados para humanos.

A unidade da empresa em Campinas, tem capacidade de produzir 500 mil insetos por semana. Mas, afirma que no ápice de produção esse número pode saltar para 2 milhões de machos a cada sete dias. O método de reproduzir mosquitos transgênicos já foi liberado pela Comissão Técnica Nacional de Biossegurança – CTNBio, mas os insetos ainda não podem ser comercializados por falta de autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa.

Referências
Portal Minha Vida – Saúde e Bem-Estar, Dengue: sintomas, tratamentos e causas, por Helena Brígido, infectologista.
Huffington Post, Brazil to unleash genetically modified mosquitoes, by Justine Alford. 

No caso de suspeita da doença consulte um médico imediatamente. Para a prevenção contra o mosquito da dengue conte com os serviços da Tsuzuki. Nós trabalhamos com responsabilidade sócio ambiental, além disso contamos com a qualidade de produtos renomados do mercado. Dedetizar é o nosso negócio!