As baratas se comunicam!?

As baratas se comunicam!?

As baratas se comunicam!? Sim! Quem descobriu isso foi um grupo de cientistas da Universidade de Londres, na Inglaterra. Desconfiados desse papo entre as baratas, eles decidiram testar. O resultado foi que todos os insetos escolheram o mesmo prato. Só atacaram o outro depois de ter acabado com o primeiro.

“Se elas não se comunicassem, teriam apenas se espalhado igualmente pelas duas porções de comida”, conta o pesquisador Mathieu Lihoreau, e completa: “Essas observações batem com simulações de um modelo matemático que estima que as baratas se comunicam quando já estão nas fontes de comida”.

Combate às baratas

Odiada por mulheres e homens, a barata americana – periplaneta americana ou barata de esgoto, é umas das espécies mais comuns no Brasil. Elas medem de 2 a 4 cm de comprimento e podem voar. Vivem aproximadamente 15 meses, se reproduzem com rapidez e se alimentam basicamente de restos, principalmente, carboidratos e gorduras.

Já a barata germânica – blatella germânica, popularmente conhecida como barata de cozinha é a espécie campeã de proliferação, principalmente, em locais onde há manejo de alimentos e banheiros. São diferenciadas pelo tamanho pequeno, cerca 1,5 a 3 cm de comprimento e são responsáveis por doenças nocivas à saúde humana como dermatites, salmoneloses e amebíase, por exemplo.

A Tsuzuki conta com profissionais técnicos especializados e produtos de alta qualidade. Serviços de dedetização em residências – casas e apartamentos, e ambientes corporativos – indústria, comércio, escolas, restaurantes, hospitais, entre outros.

Infestações causadas por baratas são um grande inconveniente. Se você vem sofrendo com isso, entre em contato conosco agora mesmo e solicite um visita técnica gratuita.